top of page
  • sociollogadmi

A força do Design Estratégico


Autora: Márcia Silva, consultora Sociollog e especialista em design estratégico


O mundo está em constante transformação, passando por mudanças sociais, culturais, ambientais e econômicas significativas. Vivemos em tempos desafiadores, conhecidos como o "Mundo Bani" - um cenário frágil, ansioso, não-linear e incompreensível - especialmente após quase três anos do início da pandemia COVID-19. Essa conjuntura enfatiza a urgência de fortalecer as relações entre indivíduos, grupos, organizações e a sociedade como um todo.


Diante dessas complexidades, a pergunta é: por onde começar? Nós, da Sociollog, acreditamos firmemente que a resposta está no conhecimento: conhecimento do território onde empresas e organizações estão, das oportunidades, das vocações e do que já foi realizado, bem como das potencialidades ainda não exploradas. Acreditamos que as soluções estão enraizadas nos próprios locais, na construção de vínculos entre os setores sociais e no estímulo aos talentos e à cultura local.

Uma das abordagens metodológicas que fundamenta nossa atuação é o DESIGN ESTRATÉGICO. Trata-se de uma vertente do design focada na visualização de cenários futuros e na projeção colaborativa de processos e estratégias para alcançar o futuro desejado. Essa metodologia leva em consideração aspectos sociais, culturais, ambientais, econômicos, entre outros, utilizando uma abordagem processual, aberta e flexível.


O Design Estratégico parte da cultura de projeto para estabelecer um diálogo significativo entre todos os atores envolvidos. A construção das estratégias para a transformação social é realizada através de movimentos transdisciplinares que emergem do coletivo. Buscamos tornar visível o pensamento por meio das capacidades de: ver - ler os fenômenos de forma aprofundada, prever - a partir do que é visto, antecipar criticamente futuros e fazer ver - tornar visíveis cenários futuros[1].

Para nós, a estratégia é o cerne do processo projetual. Trata-se de uma construção coletiva de sentido e valor, por meio de relações, na perspectiva de um sistema com crenças, valores e ações para lidar com o ambiente externo e responder às incertezas. Desenvolvemos diferenciais que fortalecem e aprimoram a forma como o grupo (comunidade, coletivos ou organizações) se posiciona na sociedade ao longo do tempo.


Assim, o Design Estratégico traz um olhar sensível para os processos e estratégias, através de um diálogo aberto e participativo. Reconhecemos e valorizamos as diferenças como potencialidades, sem a intenção de suprimi-las. Pelo contrário, refletimos sobre os diversos olhares envolvidos em um processo de construção social que transforma aqueles que dele participam.


Nos próximos artigos, compartilharemos mais sobre as práticas que desenvolvemos para implementar a abordagem do Design Estratégico. Acreditamos que, juntos, podemos criar um futuro mais justo, sustentável e inclusivo, fortalecendo o impacto positivo nos territórios em que atuamos.


Fique ligado e venha fazer parte dessa jornada de transformação social!

[1] ZURLO, Francesco. Design Strategico, in AA. VV., Gli spazi e le arti, Volume IV, Opera XXI Secolo, Editore Enciclopedia Treccani, Roma, 2010

46 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page